São Vicente de Paulo PDF Imprimir E-mail
Avaliação do Usuário: / 3
PiorMelhor 
Sex, 24 de Setembro de 2010 16:53

27 de Setembro, São Vicente de Paulo!

 

saovicenteAqui no Brasil e no mundo todo, muitas ações com as pessoas idosas são ligadas ao carisma de São Vicente de Paulo. Neste ano estamos comemorando 350 anos de sua morte, como também de sua seguidora Santa Luíza de Marillac. Até o ano de 2007, o Dia do Idoso, no Brasil era comemorado na data da festa de São Vicente de Paulo e para ser comemorado como em todo o mundo passou a ser no dia 1º de Outubro. A Pastoral da Pessoa Idosa, junto com outras entidades participam de vários eventos durante toda a semana para comemoração do Dia do Idoso, isto é muito importante, parabéns por todas estas realizações.

Comemorando os 350 da morte de São Vicente de Paulo vamos relembrar algumas passagens e frases de sua vida que inspiram nossas ações na Pastoral da Pessoa Idosa. Um agradecimento todo especial para as religiosas que vivem o Carisma de São Vicente na Pastoral da Pessoa Idosa: Ir. Terezinha Tortelli, Ir. Marluce Pereira, Irmã Apoline Schulter, Ir. Marlene de Barros Cavalcante, Irmã Ignez Bavaresco, Irmã Rosa de Castro Fernandes, Irmã Adiles Zangrande, Irmã Romilda, nossas voluntárias a Associação Internacional da Caridade e tantas pessoas que vivem o carisma vicentino no serviço às pessoas idosas.

Vicente foi um moço aventureiro de origem rural que buscava constantemente horizontes mais amplos. Alimentou desde cedo a ambição da promoção social por meio do ministério sacerdotal para ajudar sua família que tanto amava. Era dotado de uma espantosa capacidade de estabelecer relações com uma grande diversidade de pessoas – pobres e ricos, eclesiáticos e políticos, nobres e plebeus, homens e mulheres, religiosos e leigos. Mais tarde, aplicaria esse dom a uma causa boa, para realizar seu sonho de servir os Pobres. Homens e mulheres de nosso tempo, que buscam constantemente "mais" na vida, podem haurir coragem da vida de São Vicente.

São Vicente é considerado um exemplo de solidariedade, isto é, colocar no lugar do outro, sentir350anossaovicentepaulo compaixão e agir para aliviar seu sofrimento. Ver o Cristo Missionário e Servidor é penetrar no núcleo central da mística vicentina e estar certo de viver hoje de seu espírito – encontrar no pobre, no idoso a pessoa de Jesus Cristo.

Em seus escritos, São Vicente proclama: "Jesus é nossa força... nossa vida... nosso alimento... é o lugar vivo de todas as virtudes: humildade, mansidão, tolerância, paciência, vigilância, prudência e caridade". Cristo está no centro da espiritualidade vicentina e também de sua estratégia missionária. O importante para São Vicente é proclamar Cristo e anunciá-lo com palavras adaptadas ao tempo, que sejam simples e compreensíveis às pessoas de sua época e lugar.

O Cristo missionário de São Vicente é indissociável do Cristo Servidor.

São Vicente tinha como prioridade auxiliar os pobres, dos quais ele falava com um extraordinário espírito de fé. Ele também tinha um admirável realismo que o punha com os pés na terra e que hoje nos ajuda a ter o mesmo bom senso, para não idealizar o pobre. São Vicente, que estava todo consagrado a Deus e aos pobres, acreditava que poderia modificar as mentalidades das pessoas, para que outros também quisessem dedicar-se ao serviço dos pobres. Por isso, fez tantas reuniões com os leigos e as leigas que se dispunham a ajudá-lo ou os que ele ia procurando interessar para que o ajudassem. E os fez pensar nos pobres, nos doentes, nos idosos, nos desvalidos. Sua convicção pessoal era grande e foi igualmente grande sua força de convencimento. São Vicente quis organizar as boas vontades e formar multiplicadores de sua ação. Ele procurou fazer ações transformadoras.

Dos tempos de São Vicente até hoje, podemos notar que houve sérias alterações em vários aspectos da vida e da ação humana. Isto nos imporá a necessidade de rever a doutrina e a prática desse santo. Em vez de repetir suas ações ou suas palavras, iremos seguir São Vicente, de maneira fiel e criativa.

Dessa forma, devemos ver o pobre não como objeto do nosso zelo, mas como sujeitos da evangelização. Para isso, trabalharemos de modo que formemos comunidades cristãs de base, onde cada pessoa possa ser ajudada a realizar-se, onde seja ajudada em sua evangelização e de onde parta para trabalhar na evangelização dos outros.

Como pregou São Vicente, é nosso dever denunciar o que ocorre de mau no mundo, tudo o que está contra o plano de Deus. Denunciamos tais coisas através dos conteúdos das disciplinas, na leitura crítica dos jornais e revistas e da televisão.

Devemos também anunciar o plano de Deus, isto é, a dignidade humana, feita de direitos e deveres, a liberdade de que somos dotados como gente, a igualdade fundamental que existe entre todos nós, o chamado de todos à vida, ao crescimento e à plena realização. Anunciar os projetos de Deus, o que ele quer de nós na sociedade e trabalhar efetivamente para realizá-lo. Isso, tanto nos conteúdos com que trabalhamos, nas leituras que damos ou pedimos e nos métodos que utilizamos, pois os métodos são mais eficazes, como práticas, do que como discursos ou narrações.

Para celebrarmos São Vicente de Paulo na Pastoral da Pessoa Idosa, vamos rezar esta ladainha:

saovicente_criancasSão Vicente, grande exemplo - Rogai por nós
De amor a Jesus Cristo - Rogai por nós
Pelos pobres e doentes - Rogai por nós
Por todos trabalhadores - Rogai por nós
Pelas vítimas da guerra - Rogai por nós
Pelos que cuidam dos doentes - Rogai por nós
Por todos vocacionados - Rogai por nós
E por todos sacerdotes - Rogai por nós
Por todos os idosos - Rogai por nós
Por todas nossas famílias - Rogai por nós
E por nossas crianças - Rogai por nós
Pela nossa juventude - Rogai por nós
Pela Pastoral da Pessoa Idosa - Rogai por nós
Dai-nos vida em plenitude - Intecedei por nós
saovicente3